Qual é a idade exacta a que os homens e mulheres são mais infiéis ?

Recentemente o jornal Espanhol El Pais publicou um artigo sobre a infidelidade e concretamente em que idade os homens e as mulheres tendem naturalmente a serem mais infiéis. Um dos estudo foi realizado por um conhecido site norte americano que proporciona encontros infiéis entre casados. O outro estudo indica que os casais sofrem uma grande pressão aos quatro e aos sete anos de vida amorosa. Segundo o Dr. Larry A. Kurdek os casais passam por uma grande crise amorosa no quarto e sétimo ano de relacionamento e que provoca a que surjam mais relacionamentos extraconjugais.

A “seven-year itch”, a famosa crise dos sete anos onde existe uma grande probabilidade de haver uma infidelidade no casamento ou namoro.

Num artigo publicado pelo NY Times o investigador Dr. Larry A. Kurdek revelou que num estudo realizado por si a cerca de 522 casais. Chegou à conclusão que nos relacionamentos existem duas grandes crises. A primeira acontece aos quatro anos e a segunda aos sete anos de relação sentimental. No estudo o investigador norte-americano foi fazendo uma série de questionários aos casais participantes no estudo. Entre as várias perguntas o inquérito queria saber qual era o grau de satisfação que os conjugues sentiam em relação ao seu parceiro sentimental e ao seu relacionamento conjugal. Noventa e três destes casais participaram no estudo durante cerca de dez anos e anualmente respondiam ao inquérito sobre o seu relacionamento amoroso. Também chegou à conclusão que os filhos influenciavam negativamente a qualidade de vida do casal e muitos dos casais perderam qualidade amorosa muito por causa dos filhos, já que estes ocupavam mais tempo das suas vidas e o tempo dedicado ao casal e à vida amorosa encolhia drasticamente.
Por fim, o investigador revela um dos segredos para conseguir passar incólume pela crise dos quatro e sete anos:

“Meu bom senso diz-me que muitas das nossas respostas emocionais são baseadas na expectativa. Se você se puder preparar para esses declínios, então as chances são de que, se você estiver feliz com tudo, o nível de comprometimento pode permanecer alto ”.

A que idades os homens e mulheres são mais infiéis ?

O site de encontros extraconjugais encontrou um padrão bem marcado em termos de idades mais propicias para a infidelidade. Nas viragens das décadas é quando os homens e as mulheres sentem amai necessidade de trair os seu companheiro sentimental e isto acontece aos 29, 39 e 49 anos de idade. Facilmente se explica a razão de isto acontecer precisamente nestas idades e na verdade tem tudo a ver com o fim de um ciclo e a avaliação da vida em geral. Percebendo que o tempo está a passar rapidamente e que estão prestes a entrar na década seguinte a maioria das pessoas começa a por tudo em causa e tentam perceber se estão contentes com a sua vida e, sobretudo, se já realizaram todos aqueles sonhos que tanto idealizaram. Na maioria das vezes chegam à conclusão que precisam de lago novo e que estão estagnados em termos de relacionamento amoroso. Na maioria dos casos a vida íntima do casal já não é o que era e os homens e mulheres começam a sentir a pressão da idade. Com o passar dos anos isto vai-se tornando cada vez mais evidente e a pressão vai aumentado porque cada vez falta menos tempo e os últimos dez anos passaram a correr sem que desse tempo para concretizar todos os sonhos e desejos amorosos. Começa aqui a corrida contra o tempo.

A crise da meia idade dos homens e a aproximação da idade da menopausa nas mulheres também são eventos propícios a que haja infidelidades.

Os homens sentem a crise da meia idade cerca dos quarenta e ai eles precisam de sentir que ainda estão vivos e é também uma altura em que começam a procurar uma amante, que geralmente, é bem amais jovem que ele mas que o faz sentir rejuvenescido. Quando um homem de meia idade conquista uma mulher infiel mais jovem e pratica o coito com ele sente que está a tomar banho na fonte da eterna juventude. Já não consegue olhar para a esposa com olhos de desejo como antes. Agora o homem de meia idade só pensa e só olha par mulheres mais jovem e sexualmente e fisicamente mais atraentes.
Por outro lado as mulheres quando chegam aos quarenta tudo se transforma e afunila em termos de vida amorosa e sexual. A menopausa está à espreita para entrar e elas sabem muito bem que é o fim de um ciclo. As mulheres também tendem a aproveitar melhor os anos vindouros e por isso podem começar a procurar amante já que o marido não tem qualquer interesse sexual nela e prefere estar a ver o futebol até tarde. As mulheres maduras sentem também a pressão sexual de encontrar um amante que se excite com elas e que as trate com verdadeiras amantes, coisa que o marido já não faz há imensos anos.